Abstract

A proposta do trabalho é identificar quais são as perspectivas de competitividade dos produtores de açaí, de terra firme e de várzea, no nordeste paraense. Região considerada como a que mais produz açaí no Brasil. O objetivo principal é descrever uma determinada amostra de produtores e identificar e avaliar as perspectivas de competitividade dessa amostra em relação aos fatores de competitividade definidos na pesquisa, partindo-se da hipótese nula de que não há diferenças significativas de perspectivas entre os produtores de terra firme e de várzea. A fundamentação teórica considerada para a pesquisa é composta de uma abordagem sobre cadeias agroindustriais e fatores de competitividade. A metodologia utilizada para a execução da pesquisa foi o método Rapid Appraisal, onde foi elaborado um questionário semi-estruturado para os agentes do elo de produção da cadeia do açaí. Os principais agentes-chaves considerados e caracterizados foram: produtores de açaí; intermediários e representantes de algumas organizações. Os fatores de competitividade definidos para o referido estudo foram: insumos, tecnologia, estrutura de mercado, estrutura de governança e coordenação da cadeia, armazenamento e transporte e ambiente institucional. Como principal resultado do trabalho, observou-se que em ambos os tipos de produção, as perspectivas de competitividade são favoráveis para o aprimoramento da cadeia e não há diferenças significativas entre as percepções de competitividade dos produtores de terra firme e de várzea.

How to Cite
DO NASCIMENTO ARAUJO, MARCELO DE SOUZA CORREIA, ALEXANDRE JORGE GAIA CARDOSO, Dinaldo. Competitiveness Analysis of the Acai Berry Producers of Northeastern of Para. Global Journal of Science Frontier Research, [S.l.], nov. 2021. ISSN 2249-4626. Available at: <https://journalofscience.org/index.php/GJSFR/article/view/3024>. Date accessed: 27 nov. 2021. doi: https://doi.org/10.34257/GJSFRDVOL21IS6PG1.